terça-feira, 25 de setembro de 2012

Saudade II



Tua ausência cala o mundo, o mar, os ventos.
Tua ausência desaba silenciosamente sobre os meus dias, soterrando meu outono… ela magoa demais o meu sossego.
(Tua ausência é essa substância densa)
Tua ausência é tão presente que é pessoa… E me abraça.

Marla de Queiroz


4 comentários:

✿ chica disse...

Linda e intensa saudade!beijos,chica

Georgia Aegerter disse...

Imenso, intenso, profundo demais.

Um lindo restinho de semana pra você.

Um grande beijo

Alfa & Ômega disse...

Legal mesmo. Serviu para mim que meu amor se foi! Obrigada, Dalva, sua presença alegrou o meu dia! Apareça sempre! Grande abraço!

Lilá(s) disse...

Profundo e doloroso...um abraço apertado querida amiga.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

...