sexta-feira, 13 de março de 2009

Horas de vôo

.
.
"Quando pequena eu rodava, rodava e rodava em torno de mim mesma até ficar tonta e cair.
Cair não era bom mas a tonteira era deliciosa.
Ficar tonta era o meu vício.
Adulta eu rodo mas quando fico tonta aproveito de seus poucos instantes para voar."
.
Clarice Lispector
.

8 comentários:

Þ®¡§¢¡£å £¡§ßøå disse...

Caramba,eu brinco disso até hoje =)

Beijão Flor Perfumada!!!

Flor ♥ disse...

Eu também... muito boooom!

rsrsr

Maria disse...

Vida(...),
não para de passar.
enorme loucura,
festivais sujeitos a serem reais.

Maria disse...

Vida(...),
não para de passar.
enorme loucura,
festivais sujeitos a serem reais.

Mel disse...

rsrsrsrsr

Dalva, eu também rodava! Na água principalmente!

Um beijo!

jugioli disse...

Uma sensação maravilhosa!!!

bjs.

JU

Dalva disse...

Priscila,

Flor,

Mel,

Ju,

É muuuuuuito bom, mesmo... principalmente em dias de chuva, no quintal!

Beijos!

Úrsula Avner disse...

Cara escritora, seu blog é lindo e amei visitá-lo ! Amo Clarice Lispector e achei belo o pensamento que voce postou dela. Há pouco tempo montei um blog e um site e estou conhecendo aos poucos alguns escritores e poetas. Sou poetisa e convido-lhe a me visitar. Obrigada e um abraço,
Úrsula Avner
http://www.ursulaavner.com
http://ursulaavner.blogspot.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

...