sexta-feira, 14 de junho de 2013

O pássaro e o homem



Da gaiola, uma melodia triste adocicava o ar ao cair da tarde. Desde que sua esposa o trocara por homem mais jovem, enclausurou-se, afastando os amigos um a um até que sobrasse apenas o passarinho de penas coloridas - último presente da ex. Contudo, era pássaro do mato, que sabia solfejar liberdade e, por conta disso, a cantiga foi rareando até que ficassem apenas piados de tristeza. Vendo a si mesmo no bichinho, abriu a porta da gaiola e exigiu que voasse para bem, bem longe, levando o sofrimento dos dois embora. O pássaro se foi, não conseguindo carregar a pesada dor do pobre homem. E por escolha e não imposição, volta todas as tardes a fim de cantar para ele.


Leonardo Sakamoto




Crédito da Imagem: fotografia de Mariana Datrino


2 comentários:

✿ chica disse...

Muito lindo foto e texto! beijos,chica

Ique disse...

um dia meus pássaros também irão.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

...